ESTRABISMO MENTAL – DESVIO DO NORMAL

Posted: 24/03/2010 in Psicopedagogia através da Palavra
Tags:

Estrabismo é  desvio de um olho da direção normal .Por ampliação, aplica-se o termo ao desvio de idéias ou pensamentos da norma geralmente aceita:estrabismo mental: med. Desvio ocular para dentro ou para fora, de modo que os eixos visuais se situam, um em relação a outro, diferentemente do normal.Ato ou efeito de desviar-se da posição normal.

Todos os sistemas humanos de economia, seja  Marxista, socialista ou capitalista, são estabelecidos sobre o materialismo, e deste mundo não se pode levar nada.Desta forma, todo o seu labor é inútil.O homem não pode levar consigo o fruto do seu trabalho.

O Esforço do indivíduo de conseguir bens materiais acaba colocando a família em segundo plano.Com isso surge então a lei da compensação.Um mecanismo  que imprime nova direção à motivação, movimento compensatório procurando recuperar o equilíbrio de forças, com presentes  para cobrir a carência que a criança sente pela  ausência dos pais.Em busca do dinheiro é o sentido da vida do casal.Saem os dois em busca daquilo que acham que é o certo.Um objetivo desenfreado , uma busca descontrolada para a satisfação do ego:”dinheiro”.Chegam em casa com mais um carrinho, mais uma boneca, esquecendo-se que o seu verdadeiro tesouro é a criança.

Um casal estrábico mental criará os filhos sem direção.Os  filhos necessitam dos pais para uma direção certa.A criança almeja ficar com os pais, pois, busca a satisfação dos seus anseios, e conduzido aos seus ideais, ela é um ser humano em crescimento, depende dos pais para ser conduzida para o caminho certo.Assim a criança assimilará a autoridade de seus pais, e substituirá  a autoridade deles por sua própria  autoridade interior.A  criança internaliza a autoridade paterna e controla seu comportamento , sabendo então discernir o certo do errado.

Muitas crianças sofrem dissociação. Evento traumático na infância que ocorre entre os quatro e seis anos de idade. A criança enfrenta um problema doloroso criando uma outra personalidade para carregar a carga da dificuldade.Se torna hostil, irada, mentirosa.Cria uma outra personalidade para aliviar a dor emocional.Vai se tornar desajustada:” uma tentativa de o organismo satisfazer as frustrações, estado de necessidade estimulada, mas não satisfeita ao ajustamento”.

Cristina Sodré ensina que “do ponto de vista psicodinâmico, desajustamento é um ajustamento anormal; é uma tentativa para satisfazer frustrações contrariando a natureza ou seja, a satisfação interferindo no processo normal de desenvolvimento humano(DORIA, 1974 p. 27).Um desajustamento ocorre em qualquer fase da vida.Muitos pais querem dar ao filho aquilo que não tiveram na infância através dos bens materiais.Esquecendo-se que o melhor  presente que o filho realmente deseja é a sua presença .

A herança familiar se passa não quando se morre, mas se passa em vida.Segundo Isabel  A. “ a carência afetiva determina, no mínimo,insegurança e instabilidade emocional na criança.Essas características irão influir negativamente nas fases críticas da vida. Numas dessas fases em que as pressões externas se tornam mais intensas e o ego se sinta mais exigido, surgirá o desajustamento”.(ADRADOS, 1982, p.121).

Família Equilibrada Biopsicossocial.

Equilíbrio da vida em todos os aspectos.Processos vitais ativos dos organismos para uma evolução saudável , funcionamento normal e total do seu desenvolvimento como: corpo, mente e espírito.

Encontrar um equilíbrio centralizando a visão apenas para uma direção-

Ecl 5.10 O que amar o dinheiro nunca se fartará de dinheiro; e quem amar a abundância nunca se fartará da renda; também isso é vaidade.

Mt 6.24 Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou há de odiar um e amar o outro ou se dedicará a um e desprezará o outro.Não podeis servir a Deus e a Mamom(dinheiro).Usado para indicar todo o sistema do Materialismo. Dupla Visão

Jesus Cristo menciona dois caminhos:Mt 7.13,14 Entrai pela porta estreita, porque larga é a porta e espaçoso, o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela;

E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem.

Um certo dia, um jovem muito rico perguntou a Jesus o caminho da vida.Ele lhe respondeu: Vende tudo o que tem e dá aos pobres.O jovem saiu de mansinho, pois, era muito rico.

Não era o intento de Jesus o dinheiro daquele jovem, mas mostrar a ele o coração voltado para o materialismo.O ser humano materialista não consegue enxergar com exatidão.Seus olhos estão com desvio da direção correta.

Disse Jesus:.Mt6.34-Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo.Basta a cada dia o seu mal.

Democracia=Governo do povo; soberania popular.Doutrina ou regime político baseado nos princípios da soberania popular e da distribuição equitativa do poder.

Democrático= Que emana do povo, ou que a ele pertence.

A Democracia é condição de vida e de bem-estar para todos. Direito sagrado dos mais pobres, dos mais subnutridos, dos mais incultos.Direitos de justiça , de honestidade, da solidariedade humana. A Democracia é um ideal que se conquista por esforço contínuo, perseverante, esclarecido de um povo inspirado pelo mesmo amor do bem e da justiça.Não é abster-se apenas do mal, mas é fazer o bem a todos sem esmorecer, colaborando na causa sagrada da justiça e da solidariedade, que são os tesouros supremos da Pátria. Um desejo de contribuir mesmo que seja com o pouco ao próximo.

O homem quando santifica a Deus no seu coração, acima das preocupações materiais, deve estar preparado para viver acima das circunstâncias, quer envolva prosperidade ou pobreza. Alguns voluntariamente fazem um voto de santidade para que eles possam se dar totalmente a Deus.  Nessa situação, a pobreza se torna uma benção para  essas pessoas, porque elas desistiram de suas riquezas materiais por causa de Deus.Porém, ser  pobre não é sinal de santidade. É claro que ser rico também não é um sinal de santidade. As pessoas santas são aquelas que estão contentes em qualquer lugar que Deus as colocar e que o serve com o melhor de suas habilidades , independentemente de circunstâncias materiais.

1 Tm 6,11  Mas é grande ganho a piedade com contentamento.Porque nada trouxemos para este mundo e manifesto é que nada podemos levar dele.Tendo, porém, sustento e com que nos cobrirmos, estejamos com isso contentes.Mas Os que querem ser ricos caem em tentação, e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, que submergem os homens na perdição e ruína.Porque o amor do dinheiro é a raiz de toda espécie de males, e nessa cobiça alguns se desviaram da fé e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.Mas tu, ó homem de Deus, foge destas coisas e segue a justiça, a piedade, a fé, a caridade, a paciência, a mansidão.’

Não devemos esperar que as riquezas incertas possa trazer  segurança ou libertação. O que é valioso hoje pode não ser valioso amanhã.A verdadeira riqueza está em colocar nossa confiança e esperança em Deus. Somente Ele nos supre em todas as nossas necessidades. Nunca  devemos permitir que a presença da riqueza nos faça pensar que somos melhores do que os outros.

1 Tm 17,19 Manda aos ricos deste mundo que não sejam altivos, nem ponham a esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que abundantemente nos dá todas as coisas para delas gozarmos; que façam o bem, enriqueçam em boas obras, repartam de boa mente, e sejam comunicáveis; que  entesourem para si mesmos um bom fundamento para o futuro, para que possam alcançar a vida eterna.

Saber compartilhar da sua riqueza- O compartilhar é colaborar no bem –estar dos outros e pensar nos seus direitos, como desejamos que os outros colaborem conosco.Uma manifestação externa de piedade pela dor alheia.

JESUS Cristo foi o maior democrata da história da humanidade.Ele veio para libertar  a alma dos apegos deste mundo.

Jesus Cristo surge no mundo para quebrar paradigmas.Ele surge milagrosamente no meio da multidão , sustentando-os com apenas cinco pães e dois peixes.JESUS fala de si como sendo o pão da vida, e da necessidade que todos tinham de comer a sua carne e de beber o seu sangue para terem vida.Mt18  Disse Jesus:”Se algum quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome a sua cruz, e siga-me.

JESUS Cristo nos instruiu para um caminho de luz.Não como estrábicos, sem direção certa.Ele disse: Eu Sou a luz do mundo, quem me segue não andará em trevas.

JESUS  enfrentou o ódio e inveja dos príncipes dos sacerdotes.Ele veio para implantar o  Reino de Deus na terra. O Mestre divino conservou a visão clara do seu futuro e caminhou ao encontro do sacrifício com certeza  na vitória final, para que o ser humano pudesse encontrar o verdadeiro caminho.O caminho que nos conduz à uma Vida Eterna.

“No princípio era o Verbo e o Verbo era Deus E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, e nós vimos a sua glória, glória como a do Filho Unigênito de Deus, cheio de graça e de verdade.Estas coisas foram escritas para que vós creiais que Jesus é o Cristo, Filho de Deus e de que, crendo-o assim, tenhais a vida em Seu NOME. Jo 1,20

Pastora e Psicopedagoga:”MONICA DRUZIAN”.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s