COMPULSÃO X MENTE RENOVADA

Posted: 08/03/2010 in Psicopedagogia através da Palavra
Tags:

COMPULSÃO é um ato ou impulso coercivo e repetido para agir de certas maneiras específicas. Os atos compulsivos são automatismos sobre os quais o indivíduo exerce escasso controle. A pessoa está cônscia do que faz ou do que é compelida a fazer. Reconhece ser um ato irracional, absurdo ou mesmo perigoso, mas é incapaz de parar ou de livrar-se do impulso para executá-lo. O desempenho do ato permite ao indivíduo certo alívio para a sua ansiedade neurótica. As compulsões, também denominadas “reações compulsivas” ou “compulsões de repetição”, variam em número e gravidade desde contar os passos e as fendas no passeio da rua até atos criminais como a cleptomania (roubo compulsivo) e a piromania (incendiarismo compulsivo). Todas as “manias” são tecnicamente compulsões, sendo mais comuns em combinação com reações fóbicas e obsessivo-compulsivas do que em formas puras.(D T P ).

Fobia É a aversão ou medo psiconeurótico a objetos ou situações particulares. Os dicionários médicos assinalam muitas centenas. Os nomes das fobias são derivados da conjunção do nome grego que indica a coisa temida à palavra “fobia”; assim, temos claustrofobia, medo de recintos fechados; acrofobia, medo das alturas; etc. A maior parte das fobias tem sua origem em experiências remotas, quase sempre na infância. A experiência indutora da fobia possui algum elemento de vergonha ou culpa, que serve de gênese à ansiedade. As experiências que deram origem à fobia foram “esquecidas” (isto é, não podem ser recordadas); essa incapacidade de recordação do evento traumático original é fruto de repressão. O objeto fóbico simboliza amiúde a causa real do medo. As reações fóbicas são perpetuadas porque operam como defesas e agentes da redução da ansiedade neurótica.)D T P ).

Muitas emoções são liberadas como: sentimentos feridos, fraqueza, injustiças, feridas não curadas, ressentimento, mágoa, desejo de vingança, auto-depreciação, relacionamentos quebrados, inferioridade, traumas, decepções, crise de identidade etc. que, são patologias da alma. As feridas emocionais são curadas quando se reconhece a sua necessidade de cura.É necessário  admitir as emoções negativas e ir em busca do controle emocional.

As crianças de um orfanato dormiam com um pedaço de pão em uma de suas mãos. Isto era uma segurança de que no outro dia teriam alimento.A falta de segurança  é psicopatológica.A pessoa insegura pode ter tudo na vida, não lhe falta nada, porém, tem medo de tudo e de todos. Ela procura segurança em objetos como: pé de coelho, ferradura, trevo de quatro folhas, ou mesmo em pessoas como: conjugue amigos, enfim, horóscopo, macumbas, etc.

As emoções negativas serão curadas quando a aceitação do problema. Aceitar o que não pode mudar  e alterar o que pode ser alterado.

Todos os homens são criados iguais, com possibilidades para lutar e vencer. A felicidade do homem depende da sua disposição para a luta, de uma determinação de sua capacidade de enfrentar a adversidade, disposto a não se deixar abater e perseguir o seu ideal, confiando na sua potência e, descobrindo suas próprias possibilidades para vencer cada dificuldade na vida. Sempre aprendemos algo com as dificuldades; ela nos estimulam a inteligência, fomentam nossa coragem, nossa determinação, nosso espírito de luta.Temos que aprender a nos conhecer e nos aceitar.A mente pode ser renovada.Todo ser humano deseja que a vida tenha significado e propósito.O indivíduo pode aprender a se conhecer melhor ,e controlar as emoções.

Outra doença da alma – MANIA- Fase de violenta excitação da psicose maníaco-depressiva. Popularmente, assinala qualquer exibição despropositada e excessiva de interesse por um objeto ou realização de algum ato, empregando-se normalmente em combinação com outra palavra que defina o motivo da compulsão.

A mania é uma anormalidade: desvio mais ou menos extremo e prejudicial das condições normais de equilíbrio, integração e ajustamento, tendo por causa direta ou indireta fatores patológicos ou mórbidos. Geralmente  agem por impulso: força originada do id que impede o organismo, com urgência e sem prévia deliberação, a tornar-se ativo, em resultado de necessidades biológicas e fisiológicas, de um hábito de reação a um estímulo ou de excitação.Na esfera  consciente o impulso é experimentado como uma fantasia, um sentimento ou necessidade de agir. Os impulsos da libido e agressivos estão primordialmente envolvidos nos conflitos psíquicos.

Em 2 SAMUEL 3.3 Narra à história de um jovem”Amnom”, que se apaixonou perdidamente pela sua irmã por parte de pai. Esta jovem era irmã de Absalão(um moço de notável beleza, dotado de mui lindos cabelos)Tamar era igualmente bela como Absalão .A beleza da jovem fascinou a seu irmão , Amnom, que este criminosamente a estuprou e, por isso, dois anos depois, foi traiçoeiramente assassinado por instâncias de Absalão.

Amnom cometeu um incesto (intercurso sexual de pessoas intimamente ligadas pelo sangue, que o casamento entre elas seria moral e socialmente ilegítimas). Um famoso caso de incesto na antiguidade grega, eterniza através dos trágicos atenienses, o de Édipo e Jocasta, extraiu  Freud o nome para um dos componentes básicos da sua teoria da sexualidade infantil:O Complexo de Édipo(origem sexual do conteúdo reprimido). Freud chegara à conclusão de que todas as neuroses eram a conseqüência de um abuso sexual sofrido na maioria das vezes pelo pai.

No inconsciente se encontram forças recalcadas que lutam para passar para a consciência, mas são barradas por um agente repressor. A paixão secreta da criança pela mãe, que não pode continuar inocente, acaba-se ligando ao desenvolvimento sexual. O medo inevitável do pai, encarado como rival leva ao famoso Complexo de Édipo. Segundo Freud, o mistério da alma estava nos dramas psíquicos da infância. Bastava desvendá-los, para chegar a uma cura.

Jesus Cristo é tido como o Médico dos médicos. Ele ensina a libertação e cura da alma através de uma simples palavra: Se quiseres, poderás ser curado.Freud também chegou a esta conclusão: a cura através da palavra.

As palavras de Jesus foram sempre de questionamento: ao Coxo: Que queres? – Que eu ande. -Então ande.  Ao cego: Que queres? – Que eu veja. – Então veja. Ao leproso: Que queres?  Que eu fique limpo. – Então seja limpo.

Temos que reconhecer voluntariamente a responsabilidade da liderança de Deus é um ato de fé. Ninguém ficará liberto do vício, das manias, das compulsões,etc. se não se submeter e se entregar com dedicação aos cuidados do Redentor.Um espírito dedicado em querer ser curado. Uma perseverança dia após dia, uma confiança silenciosa que é fruto da confiança em DEUS. 1 Pe 5.6,7 Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que, há seu tempo, vos exalte, lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem “cuidado de vós”.

Toda a ação mental, psicológica e espiritual flui da ação de Deus. O segredo está em resistir o ataque ou responder a acusação ou o acusador, não ser dominado(por impulso, vontade, idéia, influência,etc.); não aceitar (o que atrai).Não se deixar convencer, não concordar.A resistência é a força que defende um organismo do desgaste de doença, cansaço,etc.

Busque um perfeito juízo: mente sã, auto-controlada, moderada, refreada, disciplinada, capaz de argumentar. Uma persistência de buscar socorro em Deus.A cura é obtida através de um esforço, de acreditar. Mc.5.9,23… E Jesus disse-lhe: “Se tu podes crer; tudo é possível ao que crê.

Jesus Cristo nos dá uma condição: acreditar, mesmo na incredulidade. Quando uma atmosfera de incredulidade dificulta o crer,devemos buscar ajuda de Deus.Somente assim conseguirá a cura para vossas almas.

MC. 5.15 E foram ter com Jesus, e viram o endemoninhado , o que tivera a legião, assentado, vestido e em “ perfeito juízo”, e temeram.

Pastora e Psicopedagoga: “MONICA DRUZIAN”.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s